Cade aprova compra de 10% da Latam pela Qatar Airways


Operação foi anunciada em julho e prevê aumento de capital.
Empresas já eram parceiras comerciais na aliança Oneworld.

Marina GazzoniDo G1 em SP

 Avião com a nova marca Latam. (Foto: Marcio Jumpei/Divulgação)


Avião com a nova marca Latam. (Foto: Marcio Jumpei/Divulgação)

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira (16) a compra de 10% da companhia aérea Latam pela Qatar Airways. O negócio foi anunciado em julho e dependia do aval das autoridades regulatórias brasileiras e chilenas. A Qatar pagou US$ 613 milhões pela participação na Latam.

A entrada do novo acionista se dará por meio de uma operação de aumento de capital, na qual a Latam emitirá novas ações. Os acionistas minoritários poderão exercer uma opção para participar da oferta, nas mesmas condições. A Latam é resultado da união da brasileira TAM com a chilena LAN.

A Qatar Airways é uma companhia aérea estatal, sediada em Doha. A Qatar e Latam são parceiras comerciais e pertencem à mesma aliança de companhias aéreas, a Oneworld.

A união das empresas é parte de uma tendência internacional de associação de empresas aéreas, especialmente entre as que já são parceiras comerciais. A Qatar também é acionista da IAG, dona da Iberia e da British Airways, que também é membro da aliança Oneworld.

Na época do fechamento do negócio, a Latam informou que usaria o dinheiro para reforçar o seu caixa. Em meio à crise econômica, as empresas aéreas acumularam prejuízos bilionários.

NOTÍCIAS RELACIONADAS